quarta-feira, 9 de maio de 2012

CQC distorcem o conteúdo

Já não é de hoje que Marcelo Tas faz manifestações contra cristãos agora distorce o que é  obvio. Já fez abaixo assinado contra radio evangélica Musical FM agora ataca o que o deputado João Campos que tem que é o projeto de lei que legaliza a cura de homossexuais. 
  O que me surpreende é a reação dos cristãos em relação a tudo. Quando questionados sobre o PL122 ficam calados, preferem se omitir, e depois quando os cristãos são ridicularizados em rede nacional, eles se manifestam. Não conseguem enxergar que se o PL 122 for aprovado, a Igreja vai ficar com uma mordaça. O que será que amam mais? A palavra de Deus ou os fãs que adquirem durante a carreira? É claro que temos cristãos que não se calam, e mostram que são contra PL 122. Me questionaram sobre o Projeto de Lei do Deputado João Campos que legaliza a Cura para homossexuais. Bom, eu acredito sim que existe ex-homossexual. Porém a decisão de querer parar com a prática, vem da pessoa e não de um método que faz a pessoa parar com a prática, entende? Somos livres para ser o que queremos, assim como deixar de ser. Por isso não concordo com esse projeto de lei do Deputado. Não estou levantando contra ele, apenas não concordo, assim como qualquer um pode não concordar comigo. Quero adiantar um projeto que estamos em mente. No dia 14 de Julho acontece a Marcha Para Jesus em São Paulo, estamos pensando em organizar um grupo com faixas, panfletos e camisetas mostrando que somos Contra PL122. Fonte:gospelmais

2 comentários:

  1. Na sua opinião então não existe ex-gay (embora diga que acredite em ex-homossexual). Pois só existiria ex-homossexual se existir técnica de deixar o homossexualismo. Caso contrário ele será reprimido ou gay não praticante, nunca um ex-homossexual. Pois só acredito em ex-gay se ele perder a atração pela pessoa do mesmo sexo (e deve, acredito, ter uma técnica pra isso). A pessoa não vai perder o desejo simplesmente optando. Nem que seja libertação Divina. A causa da homossexualidade, como se vê, é adquirida, devido a vários fatores (inclusive sociais). Mas deixá-la os profissionais que se entendam. Eu me considero um homossexual não praticante (muito sofredor). Tenho vontade de perder este desejo terrível e passar a amar mulher como qualquer heterossexual. Eu não tenho uma solução. Se quiser me mandar e-mail: shared90@yahoo.com.br
    Daniel

    ResponderExcluir
  2. Envie seus links para nosso agregador de links

    Aqui não links improprios para evangelicos, todos os links enviados são analizados e liberados somente os que se enquadram nos padrões da familia.

    agregador voltado para o publico feminino e evangélico

    http://www.agregadicas.com.br/

    ResponderExcluir