sábado, 27 de outubro de 2012

Missionários invadem feira erótica para pregar

Os membros da organização cristã XXXchurch.com pregaram a palavra de Deus durante uma exposição pornográfica que ocorre anualmente no Centro de Convenções de Miami Beach, Flórida.
Intitulada de “Exxxotica”, o evento expunha DVDs, brinquedos sexuais e diferentes materiais relacionados ao sexo. Os evangélicos estavam ali para alertar os participantes dos perigos resultantes do vício em pornografia e como sair desse mundo de luxúria, explicou o jornal The Miami Herald.
Os membros da XXXchurch.com carregavam um grande banner e vestiam camisetas com a frase “Jesus ama as estrelas pornôs”. Também distribuíam Bíblias aos interessados e sorrisos a todos os que passavam por eles. Isso encorajou os presentes a falar sobre suas experiências e conversaram com os missionários sobre seus problemas sem medo de julgamento, por causa do senso de humor demonstrado por eles.
“A maioria dos cristãos sequer teria uma conversa com eles”, disse Ryan Russell, da XXXchurch, sobre os visitantes. “Mas acreditamos que Deus ama a todos nesta convenção, tanto quanto ele nos ama [os evangélicos].”
“Jesus não veio para condenar, mas para salvar as pessoas através do seu amor”, disse Tommy Parke, pastor de uma igreja em Miami que colabora com a XXXchurch. De acordo com seus representantes, eles têm ajudado muitas pessoas a admitir que gastam seu tempo e dinheiro com sites de pornografia e lutando contra a vergonha de ter seu vício descoberto pela família.
Os missionários sabem que sua organização pode oferecer algum apoio psicológico e assessoria financeira para os atores e atrizes pornôs que desejam abandonar sua profissão e mudar de vida. Mesmo assim, a alternativa da fé aponta, segundo eles, os rumos de uma nova realidade.
Em alguns casos, com a ajuda da XXXchurch, há uma mudança concreta. Vicky Whitington, ex-atriz pornô e que hoje é voluntária do ministério conta “Estou fora desse meio há 15 anos, mas acredito que teria gostado de ouvir algo assim quando não havia decidido sair. Conheço muitas mulheres têm medo de sair e a igreja as ajuda a fazer essa transição.”
Seu fundador, Craig Gross, tem realizados debates públicos, inclusive em igrejas, com o astro pornô Ron Jeremy sobre a realidade da indústria de entretenimento adulto, que é mais sombria que a maioria das pessoas imagina. Gross diz que ele e Jeremy tem várias coisas em comum: acreditam que a pornografia não deve ser vista por menores de idade e que os casais deveriam ter uma abertura no matrimônio, para verem filmes adultos.
Via: GospelPrime 

Um comentário:

  1. Conheça o Hiper Links, divulgue seu conteudo conosco e aumente seu tráfego.
    É muito fácil enviar seus links, não precisa de cadastro.
    http://hiperlinks.org/

    ResponderExcluir