quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Temendo apocalipse, pais matam crianças e cometem suicídio

Depois de consumir uma alta dose de medicamentos, uma família foi encontrada morta no quarto de sua casa, depois de discutir sobre o apocalipse.

Os corpos de Benjamin, Kristi Strack e seus três filhos com idades entre 11 e 14 foram descobertos pelo filho sobrevivente e sua avó em Springville, Estados Unidos.

"Para os pais, era muito comum falar sobre o apocalipse e o juízo final", disse detetive Greg Turnbow, do Departamento de Polícia de Springville.

Em uma interpretação errada sobre o que o último livro da Bíblia quer dizer - a volta do Rei que irá levar os seus para viver ao seu lado eternamente -, os pais queriam que seus filhos fossem poupados dos sofrimentos da grande tribulação. "Ao ser entrevistado, o filho sobrevivente disse que sua mãe comentou que, se as coisas ficassem muito ruins, seria muito melhor que ela e sua família partissem de uma forma confortável, em vez de uma forma dolorosa", contou o detetive.

O pai tinha heroína em seu corpo e os outros tinham medicamentos de metadona, disse Turnbow, citando as conclusões do médico legista. Não havia nenhum sinal de violência.

Entre os itens recuperados da casa pelos investigadores estavam garrafas vazias de metadona líquida, bem como 10 pacotes abertos e vazios de medicação noturna para gripes e resfriados.

Via Guia me

Um comentário:

  1. Parabéns pela matéria. Parabéns pelo site, já troneei-me um seguidor.
    Aproveito a oportunidade para compartilhar também nosso espaço. Ficaremos felizes por vossa visita e mais ainda se seguir-nos. Se desejar uma parceria
    Siga-nos, e cole nosso banner em seu blog e faremos o mesmo.....

    Atenciosamente

    Josiel Dias
    http://josiel-dias.blogspot.com
    Rio de Janeiro

    ResponderExcluir